Exposição de Élia Ramalho na Casa Manuel Guimarães

0
54

Tomando como ponto de partida um quadro autobiográfico que foi sendo realizado entre 2012 e 2018, a exposição
conta com mais um conjunto de 4 obras de diferentes períodos mas sobre o mesmo tema.
Trata-se de um álbum ilustrado que funciona também como livro infanto-juvenil e poderá ser ainda uma ferramenta
para ateliers, formação e desenvolvimento de atividades lúdicas e pedagógicas sobre o tema da Educação pela
Arte.
É um livro cheio de pequenas histórias contadas por desenhos, decalques, pegadas, brinquedos, palavras, livros…
um fragmento de um percurso com muito de bom. Um alimento da infância que espero possa ser vosso também.
O conteúdo é tão versátil quanto o público possa ser: crianças, jovens e adultos. Um desafio para alimentar a
infância de todos, misturando brincadeira com arte. “Arte Metáfora da Vida” foi criado como uma forma de fazer
um álbum de memórias onde a autora espera que possam e queiram interagir com ela. É só um primeiro passo
para um projeto cada vez mais interdisciplinar e alternativo
Élia Ramalho natural de Tomar, vive em Coimbra, licenciada em Artes-Plásticas Pintura, fez Mestrado em
Comunicação Estética e é doutoranda do Programa Materialidades da Literatura com uma tese sobre Julio Pomar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here